quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Excel Saga (TV)

OBS: Resenha publicada originalmente no Animehaus em 07/04/2003.

Alternativos: Quack Experimental Anime Excel Saga, Heppoko Jikken Animêshon Excel Saga
Ano: 1999
Diretor: Shinichi Watanabe
Estúdio: J.C. Staff
País: Japão
Episódios: 26
Duração: 30 min
Gênero: Comédia / Sci-Fi / Shounen



Se existisse um prêmio para o anime mais descabeçado e insano de todos os tempos, Excel Saga provavelmente seria o vencedor, léguas à frente do segundo colocado (se bem que FLCL também é páreo duro!). Produzida pela Victor Entertainment nos anos de 1999 e 2000, Excel Saga é uma série cuja insanidade começou já nos bastidores. A animação ficou à cargo dos loucos da J.C. STAFF (leia-se Karekano... precisa dizer mais?). Direção? Cortesia do "cabeça de quiosque" Watanabe Shinichi, com direito a participação especialíssima na série (veja adiante! ^_^ ). Para completar, ninguém menos do que Koshi Rikudo, criador do bem-sucedido mangá que deu origem a este anime e que tem, pasmem, um papel fundamental dentro da série!

Para não perdermos tempo, à história! ^_^

A Organização Across, liderada pelo enigmático Il Palazzo, busca eliminar toda e qualquer forma de podridão existente na Terra. Desde músicas ridículas até mangás de qualidade duvidosa, tudo o que for considerado lixo ante os olhos da Across deve ser sumariamente eliminado, assim como seus criadores. Sobrando um tempinho, o domínio do mundo não deve ser descartado. ^_^ Para realizar tais ações, entram em ação as agentes especiais Excel e Hyatt.

Apaixonada por Il Palazzo, inteiramente fiel à Across e completamente imbecil, Excel é uma metralhadora ambulante quando abre a boca, e geralmente não fala absolutamente nada que preste. Não é à toa que Il Palazzo não suporta sua presença... se dependesse apenas dele, uma boa Excel seria uma Excel morta! ^_^ Para contrabalançar este excesso de energia idiota chamado Excel, temos Hyatt, uma bela e inteligente moça de cabelos negros que veio do espaço (!). Pálida como a morte e com anemia crônica, Hyatt possui um fiapo de voz e invariavelmente tem ataques violentos de tuberculose (!!), com direito a vômitos de sangue e perda de consciência (!!!). Esta dupla dinâmica constitui toda a força de ataque da Across... realmente assustadora! ^_^

Para combater a Across, surge a Agência para Garantia da Segurança. Liderada pelo esquisito Kababu e contando com um time de agentes constrangedores, esta organização é um exemplo de ineficiência absoluta, nos mesmos moldes da Across.

E o futuro da Terra está nas mãos destas duas organizações... ^_^"


Levando-se em conta apenas o que foi dito acima, Excel Saga dá a impressão de ser apenas mais um entre tantos animes engraçadinhos que aparecem a todo momento. Mas são vários os detalhes que tornam esta série muito, muito especial. Para começar, um conjunto de personagens excepcionais. Além dos principais já citados, temos:

- Menchi, um cachorro com cara de gato e que tem um latido mais parecido com um miado (será um cachorro, mesmo? ^^ ). Menchi tem ataques de pânico a todo momento, pois é sempre a primeira opção no cardápio de Excel, caso a comida acabe!

- Pedro, um imigrante latino que mora e trabalha no Japão. Com um sotaque engraçadíssimo, Pedro é um verdadeiro para-raios de desgraceiras... se alguma coisa tiver a mínima chance de dar errado com ele, pode ter certeza que vai dar! ^_^ Impossível segurar o riso com seu desesperado grito "Nooooooo!!" ^__^

- Grande Vontade do Imenso Universo (!), uma entidade feminina em forma de microgaláxia (!!), bem chegada em sexo (!!!) e com a capacidade de ressuscitar as pessoas (!!!!).

- Nabeshin, um cara de cabelo afro com pinta de herói, surge do nada em todos os episódios e acaba salvando a pátria em vários momentos. Para quem não conseguiu descobrir em quem Nabeshin foi inspirado, uma dica... wataNABE SHINichi. ^_^

- Puchus, invasores fofíssimos que vêm de Marte... em sua forma "lindinha", falam apenas "puchu, puchu" e conquistam o coração de todos (hehehe, hora de detonar Pokémon!). Mas basta tomarem uma pancada na cabeça para mostrarem sua verdadeira e horrenda face! ^_^

- Koshi Rikudo, autor do mangá Excel Saga, que participa do início de todos os episódios. Nestes momentos, Koshi Rikudo dá o aval para que cada episódio se desenrole num estilo específico: shoujo, "dating games", drama social, filmes de terror, animes de esporte. Variedade é o que não falta!

Mas é na paródia insana que Excel Saga realmente arrebenta! Além do humor visual, repleto de gags deliciosas, no estilo típico das animações da J.C. STAFF (os zumbis vomitadores são demais!), Excel Saga detona com praticamente tudo o que faz sucesso no mundo do entretenimento: Pokémon, Guerra nas Estrelas, Dragon Ball Z, Homem da Máscara de Ferro, Rocky, Titanic, Matrix, Galaxy Express 999, Forrest Gump, Simpsons, Nausicaa, Hokuto no Ken, doujinshi, sentais... é de matar de rir! Nem mesmo a produção de animes é poupada, com gozações em cima das constantes quedas nas verbas e capítulos retrospectivos.

Os pontos negativos em relação a Excel Saga são poucos. Um deles diz respeito à dublagem da própria Excel... um trabalho excelente de Mitsushi Kotono, mas que cansa a cabeça de vez em quando, tamanha a quantidade de palavras estridentes vomitadas por Excel! ^_^ O ponto mais desagradável da série diz respeito a algumas piadas de mau gosto, especialmente nos capítulos finais, com um certo exagero no uso de "fan-service" e situações constrangedoras.




Excel Saga talvez não agrade a todo mundo, devido a sua natureza absolutamente anárquica, mas é inegavelmente um dos melhores animes cômicos produzidos até hoje. Para quem conseguir entrar no espírito insano da série, é diversão mais do que garantida!


Marcelo Reis


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário