domingo, 23 de novembro de 2014

Nurarihyon no Mago (TV)

OBS: Resenha publicada originalmente no Animehaus em 18/02/2011

Alternativos: NuraMago, O Neto de Nurarihyon, Nura: Rise of the Youkai Clan
Ano: 2010
Diretor: Junji Nishimura
Estúdio: Studio DEEN
País: Japão
Episódios: 26
Duração: 24 min
Gênero: Comédia / Ação / Fantasia / Mistério



A série de TV foi lançada em 2010, numa adaptação bastante fiel produzida pelo Studio DEEN, baseada na primeira parte do mangá de "Nurarihyon no Mago", criado por Hiroshi Shiibashi. O mangá ainda esta em publicação. O anime foi dirigido de forma muito competente por Junji Nishimura: para quem não conhece Nishimura, ele já foi diretor de "Mars", "Ranma ½", "You’re Under Arrest", além de ser diretor-assistente e ter feito o "storyboard" de mais de 20 projetos. Ou seja, experiência ele tem de sobra.

O anime gira em torno de Nura Rikuo, um garotinho prestes a fazer 13 anos, que tenta levar uma vida normal. E seria... se não fosse a insistência de seu avô em lembrá-lo de que ele é “seu” neto, um "youkai" que não é apenas poderoso, mas é o comandante supremo de todos os "youkais". Rikuo é o neto de Nurarihyon. Rikuo não quer ser o sucessor da família, pois ele é apenas ¼ "youkai", ou seja, ele é muito mais humano do que a maioria dos freqüentadores da sua casa e, por este motivo, tenta manter sua vida comum e tranqüila. Tudo continuaria dessa forma, mas seus amigos acabam sendo envolvidos entre os que almejam destruir o líder do clã Nura para, dessa forma, herdar o comando de todos os "youkais".


Os personagens centrais são dos mais variados. Entre humanos e "youkais", alguns conseguem se destacar, como: Yuki Onna, uma "youkai" controladora de ventos gelados, o braço direito de Rikuo, que se disfarça de aluna para proteger seu jovem mestre. Totalmente dedicada a Rikuo, ela não pensaria 2 vezes em se colocar em risco para proteger seu amado mestre da noite. Temos também a jovem Ienaga Kana, ou Kana-chan se preferir, uma mocinha delicada que cai de amores pela versão noturna de Rikuo. Logo de cara se percebe: ela não tem medo dos youkais mas, sim, uma curiosidade imensa por eles, ainda mais com a aparição do jovem herdeiro de Nurarihyon. Mas vocês conhecem aquele dito popular: “a curiosidade matou o gato”. Isso serve como uma luva para Kana-chan, visto que ela se torna o alvo de várias perseguições, por aparentemente ser a preferida de Nurarihyon. E para completar este grupo de personagens de destaque, temos: Keikain Yura, uma "onmyouji" que controla "shikigamis" (bestas místicas), que veio morar na cidade para completar seus estudos e, dessa forma, ter o comando da família Keikain. Basicamente, o “completar seus estudos” quer dizer: destruir o líder dos "youkais", e não só ele, mas todos os "youkais" que aparecerem em seu caminho. Mas sinceramente, só de olhar pra ela dá sono, aquele tipo de personagem que nos faz bocejar. Para finalizar temos Gyuki, um personagem enigmático e importante na saga de Nura, mas eu vou deixar aquele ar de mistério sobre ele. Afinal, sua presença e participação são essenciais para o desenrolar de toda a série.

O Studio DEEN fez um ótimo trabalho de adaptação, apesar das alterações no início da saga, cortando ligações importantes e deixando o seu final, de certa forma, inacabado e modificado. Mas o tema central gira em torno de Rikuo, sua descoberta interior, aceitação e busca de poder para, dessa forma, impor o MEDO em todos. Agindo dessa maneira, ele acaba encontrando vários "youkais" em seu caminho, desenvolvendo e despertando técnicas surpreendentes de combate. No mangá, Rikuo continua aprendendo e evoluindo, para um dia se tornar o mais poderoso "youkai" que já caminhou pela Terra.


Visualmente, o Studio DEEN também não decepciona: detalhes bem elaborados, cores mais escuras, dando um ar pesado, sombrio e de mistério ao anime. A trilha sonora poderia ser melhor. A primeira abertura, apesar de se encaixar no clima imposto pelo anime, não cativa, e algumas músicas de fundo lembram a saga de Harry Potter, deixando aquela impressão de “eu já ouvi isso em algum lugar”; mas a segunda abertura, "Sunshine", interpretada por Monkey Majik, é especial, tem um balanço que não sai fácil da cabeça, e quando menos se espera, estamos tentando cantar junto. "Nurarihyon no Mago" é um anime que merece ser visto pela boa história e "design". Pessoalmente, estou esperando ansiosa a adaptação da segunda parte, pois o mangá está formidável.

Cátia Nunes

Nenhum comentário:

Postar um comentário