segunda-feira, 7 de novembro de 2016

Durarara!! (TV)

OBS: Resenha publicada originalmente no Animehaus em 10/12/2010


Alternativos: DRRR!!
Ano: 2010
Diretor: Takahiro Omori
Estúdio: Brains Base
País: Japão
Episódios: 24
Duração: 27 min
Gênero: Drama / Mistério / Comédia


Baseado na série de light novels escrita por Ryohgo Narita, "Durarara!!" é uma série, no mínimo, peculiar. Já nas primeiras sequências, notamos que o anime tem uma espécie de "aura" especial em sua volta, algo que o torna diferente. Talvez tenha algo haver com a ótima direção de arte e enredo meio complexo, além de a série, por alguma estranha razão, me lembrar muito os jogos "Shin Megami Tensei: Persona" (mais especificamente o 3 e 4).

Mikado Ryuugamine é um garoto de uma cidadezinha do interior, que acaba de se mudar para a grande Ikebukuro, graças à sugestão de seu antigo amigo Masaomi Kida, além de estar procurando mudar o rumo de sua vida, sair do tédio, vivenciar algo diferente. Nosso "herói" nem imaginava que estaria entrando de cabeça em uma nova rotina e ambiente frenéticos, onde conheceria MUITOS personagens peculiares e testemunharia coisas que desafiam todas as barreiras da razão.

Não dá pra comentar mais que isso sobre o enredo sob o risco de acabar deixando algum "spoiler" escapar, já que a história desse anime é regada de muitos personagens, algumas coincidências e temas frequentemente confusos.


Como esperado do mesmo criador de "Baccano!", quando digo que Durarara!! possui muitos personagens é por que, realmente, são muitos mesmo. Assim como em seu "predecessor", todos são apresentados brevemente na abertura, e muitos deles são muito carismáticos e divertidos, com destaque para a motoqueira sem cabeça chamada Celty, o hilário e "violento sem querer" Shizuo, o enorme russo ajudante de uma loja de sushis, Simon, e o negociante de informações sádico e arrogante, Izaya Orihara. Apesar de existirem muitos outros igualmente divertidos e cativantes, alguns chegam a ter muito pouco tempo na tela, se tornando quase que completamente dispensáveis, algo que deveria ser melhor trabalhado. Quer dizer, tudo bem, é difícil conseguir administrar muitos personagens, mas se o anime se dá ao trabalho de apresentar tantos, isso não passa de uma obrigação.

O único grande problema de Durarara!! está no andamento de seu enredo. Por mais que este seja recheado de personagens memoráveis, situações hilárias, momentos de seriedade e MUITAS reviravoltas, também é escasso em explicações para certos fenômenos bizarros e passa a impressão de se perder um pouco no meio do caminho. O anime não chega a ficar ruim de jeito nenhum, mas todo o clima de mistério e originalidade peculiar em seu início começa a ficar meio de lado para dar lugar aos dramas pessoais dos três personagens principais, dando a impressão que a série vai aos poucos se tornando meio banal. Tanto que o final do anime não parece muito um... final, dando a impressão de que muita coisa não foi resolvida ou encerrada. Bem, já foi confirmado que um vigésimo - quinto episódio vai ser lançado juntamente ao último DVD da série. Quem sabe sirva para amarrar algumas pontas soltas? Além dos boatos de planos para uma segunda temporada...

Quanto ao visual e trilha sonora, Durarara!! não faz nem um pouco feio nesse quesito, com uma ótima animação até certo ponto estilizada e design de personagens muito variado, expressivo e agradável aos olhos. As músicas são quase a alma da série, com as duas aberturas/encerramentos viciantes (Uragiri no Yuuyake - Theatre Book, Complication - Rookiez is Punk`d, Trust Me - Yuuya Matsushita e Butterfly - On/Off) e várias músicas de fundo que vão grudar na sua cabeça.



Mas enfim, vale a pena assistir "Durarara!!"? Definitivamente sim. Em um mercado de animes tão viciado como o atual, Durarara!! é como uma brisa de ar fresco. Com muitos personagens cativantes e um enredo, no mínimo, fora do comum, esta é sem dúvida uma das maiores surpresas de 2010. Alguns podem acabar desistindo em meio à história que parece não deixar claro o rumo que quer tomar, mas ainda assim, é um anime merecedor de, pelo menos, uma pequena conferida.

OBS: Fiquem atentos durante o anime, que é cheio de pequenas "referências" a outras séries, como Jigoku Shoujo, Darker than Black e, obviamente, Baccano.


Lucas Funchal


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário