sexta-feira, 25 de novembro de 2016

The King of Fighters: Another Day (ONA)

OBS: Resenha publicada originalmente no Animehaus em 17/09/2006

Alternativos: KOF: Another Day
Ano: 2005
Diretor: Masaki Tachibana
Estúdio: SNK / Production I.G.
País: Japão
Episódios: 4
Duração: 10 min
Gênero: Aventura / Drama / Shounen



Quando as fontes de notícias começaram a divulgar e confirmar que a SNK estaria produzindo um anime da série The King of Fighters, milhares de fãs ficaram ansiosos, tornando-o praticamente um grande sucesso mesmo antes do lançamento devido à expectativa criada em torno do anime.

Produzido pela Production I.G, The King of Fighters Another Day foi "umbilicalmente" criado a partir do game The King of Fighters Maximum Impact 2. Tenha isso em mente quando assistir pois a história do anime acontece exatamente antes da do "game" começar! Certa noite, um grande incêndio destrói uma parte importante do centro da cidade de South-Town. Com prédios em chamas e pessoas feridas, ninguém sabe a causa da grande catástrofe, ou quem seria o responsável...

Como era de se esperar, KOF-AD tem uma excelente produção. Com uma ótima animação, os personagens foram muito bem retratados com suas devidas personalidades e movimentos. Quem já gosta dessa série que teve início no memorável NeoGeo vai se sentir em casa, mas mesmo quem não seja muito ligado em "games" certamente gostará do espetáculo técnico! O traço é leve e sutil, com ótimos efeitos de iluminação, contrastes e algumas transparências, fazendo muito bom uso de computação gráfica sem ofuscar o trabalho manual. As lutas ficaram muito empolgantes, sem o apelo de imagens paradas com um monte de efeitos especiais para maquiar a produção. KOF-AD conta com vários quadros de animação e em ângulos diferentes, raramente você verá algum quadro ou seqüência que já tenha sido usada antes no anime. Pra melhorar, alguns capítulos contam também com a ajuda de outros super-estúdios japoneses, como a Gainax, que participa da produção do segundo capítulo ^^. A trilha sonora também não fica atrás e é muito bem aplicada, abrangendo vários estilos dependendo da situação retratada, apimentando ou adoçando na dose certa.


Mas, se nos detalhes técnicos KOF-AD faz uma grande luta, o mesmo não pode ser dito da história...

KOF-AD é uma série muito curta! Com apenas 4 capítulos, variando entre 4 a 6 minutos cada, sendo que um capítulo não é sequência do outro mas, sim, a retratação de diferentes lados do mesmo acontecimento: assim, se você decidir assistir os OVAS em qualquer ordem, não vai se perder muito... Lembra-se que o anime é uma ligação mais do que direta com o game KOF-Mi2? Pois é, se você não tiver nenhum contato com o "game", vai ver um enredo cheio de buracos e peças faltando, a não ser que você jogue o "game". E não se iluda: esse fato aparece descaradamente no anime em letras garrafais! O espaço utilizado nos capítulos para explicar ou contar alguma coisa é grande, mas acaba sendo totalmente insatisfatório e, para piorar, no final de cada capítulo aparecem textos contando o que estava acontecendo com "aqueles" personagens e que não foi mostrado ali (!) e uma dica do que poderá acontecer depois... Alguns personagens têm uma aparição muito "coadjuvante" com uma frase ou duas (ou nem isso!). O anime comete o pecado de não explicar nada com "começo, meio e fim", só uma leve superfície de "um pouco de tudo" e, no final, com os textos, uma previsão do que pode acontecer depois (e aliás, que não será mostrado! A menos que você jogue o game KOF-Mi2...). Tudo bem que, em um "game" de luta, a história raramente importa, mas em um anime ela é sem dúvida o mais importante!

Apesar dessa pisada na bola, KOF-AD não é um mau anime. Se você é fã de animes de ação, luta, adaptações de "games" famosos ou procura apenas por um OVA "legal" para ver com os amigos, ele é uma ótima escolha. Se você é fã da SNK ou gosta de KOF, ele é obrigatório mesmo que você não jogue o game KOF-Mi2 mais tarde. Mas se você gosta de tudo isso mas não abre mão de um enredo bem desenvolvido e uma boa história, vai ficar com aquele gosto de "ué, foi só isso?!", "já acabou?!". Agora, se o eixo enredo-história é tudo o que lhe interessa, passe bem longe desse anime, pois ele irá decepciona-lo com certeza.



Ao final, The King of Fighters Another Day é um bom anime, mas que seria bem melhor se não passasse de um mero complemento do game KOF Maximum Impact 2....


Emanuel Silva Sena



Nenhum comentário:

Postar um comentário